Ballmer defende abertura para competir com a Apple

Negócios
mjasay escreve:

“Durante o Mobile World Congress, Steve Ballmer se concentrou no ecosistema fechado do iPhone da Apple com um apelo irônico por abertura: ‘Abertura é central por que é o fundamento da escolha.’ Ballmer aparentemente esqueceu dos esfoços de sua própria empresa para integrar verticalmente hardware e software (Zune, XBox), seu hitórico de integração vertical de software (amarrando o SharePoint ao Office, IE, SQL Server, Active Directoru, etc.) além dos anos amarrando o Windows ao Internet Explorer que apenas o Departamento de Justiça Americano pode desfazer. Ainda, o efeito da Microsfot no mercado de navegadores fez com que a Mozilla se involvesse em uma recente ação da Comissão Européia contra a gigante de software, com Mitchell Baker da Mozzilla recentemente declarando ‘Algumas de atividades ilegais estão também envolvidas na criação do domínio de mercado do IE,’ agora obrigando uma intervensão governamental para a abertura do mercado de navegadores para competissão justa. Colocando de lado a reputação da própria Microsoft no campo da abertura, Ballmer está certo? Deveria a Apple abrir a plataforma de seu iPhone para a competição externa, em ambos os termos hardware e software?”

fonte: slashdot.org

Wozniak aceita posto em Start-Up de sistemas de armazenamento

bus
“O co-fundador da Apple, Steve Wozniak está voltando ao trabalho como cientista chefe na Fusion-io, uma empresa de start-up que ajusta computadores para que eles possam acessar grandes quantidades de armazenamento à taxas bastante rápidas. Nos primórdios da Apple, Wozniak despontou como um dos engenheiros mais criativos do Vale do Silício, demonstrando talendo para projetos elegantes de computadores que faziam uso eficiente dos componentes e combinavam muitas funcionalidades em um pacote coeso e Wozniak vai fazer um trabalho semelhante na Fusion-io, porém dessa vez com grande sevidores e sistemas de armazenamento ao invés de PCs. ‘Eu tenho uma vida bastente calma, e eu gosto de assistir a tecnologia evoluir, ‘ diz Wozniak. ‘Neste caso, eu gosto das pessoas e do produto, e diz eu gostaria de um maior envolvimento.'”

fonte: slashdot